Fernanda Porto
 
 
 
  An Improved Sound (Um som melhorado)
http://musicabrasileira.org

Giramundo - album reviews
All Music Guide - http://www.artistdirect.com

Fernanda Porto se separa do modismo drum'n'bass
Folha de São Paulo

Fernanda Porto
Maxim

Conheça um pouco mais Fernanda Porto
Revista Época

Texto de Koellreutter sobre o CD Demo que virou o primeiro CD "Fernanda Porto"


Críticas
diversos veículos internacionais

 
 
 
 
 
 
 

Giramundo - album reviews
All Music Guide - http://www.artistdirect.com: 2005
Philip Jandovsk

As expectativas do segundo álbum de Fernanda Porto eram bastante altas, devido ao sucesso comercial e à crítica muito favorável de sua estréia epônima. Com relação a Giramundo, Porto surpreendentemente abandona muitos dos sons eletrônicos e ritmos que a levaram a fama dois anos antes. No seu lugar, ela optou por um som pop mais orgânico. Os sons eletrônicos continuam, embora em algumas faixas mais do que em outras, mas funcionam mais como um tempero complementário adicionado para aperfeiçoar a música, do que sendo uma base fundamental sobre a qual o restante se apóia, como foi o caso de seu primeiro álbum. O drum'n'bass ainda está presente em algumas faixas, embora o ritmo seja mais orgânico (Porto mesmo chama isto drum'n'bass acústico). O baixo Doug Wimbish e o percussionista Will Calhoun da banda americana de rock Living Colour, que participam em quase todas as faixas, ajudam a criar esse novo som. Embora o ouvinte talvez não o considere como tal, o primeiro álbum de Porto teve um estilo bastante diversificado. Mas o som eletrônico ligou os diferentes estilos muito efetivamente, fazendo o álbum soar homogêneo. Giramundo não é na verdade tanto mais "eclético" do que o álbum anterior, mas o fato que Porto diminuiu o uso da eletrônica, acentua as diferenças entre os vários caracteres e estilos das faixas. Isto, a sua vez, faz o álbum parecer menos coerente. Mas o que importa é que Porto manteve a alta qualidade e elegância que tanto fortaleceu sua estréia, mesmo se a apresentação musical tenha mudado. Giramundo contém canções pop simpáticas e cativantes como o reggae de "De Graça" e o ijexá eletrônico da faixa principal. Também inclui três baladas muito engenhosas, com "Bicho do Mato" tendo o mesmo tipo de fluência melódica como o popular "Vilarejo Íntimo" de seu primeiro álbum. Das duas ou três faixas que misturam drum'n'bass com rock, "Pensamento 4" foi escrito junto com a poeta rock Arnaldo Antunes. O muito respeitado compositor de samba e bossa nova Chico Buarque empresta sua voz para "Roda Viva" (uma de suas composições), que Porto transformou numa melodia de drum'n'bass bastante frenética. Essa versão de "Roda Viva" mais duas outras interpretações de canções de Chico Buarque, estão programadas para aparecer na trilha sonora de Fernanda Porto do filme Cabra Cega, de Toni Venturi. Uma ou duas canções não chegam ao mesmo nível que o restante e talvez diminuam um pouco a impressão positiva geral, mas Giramundo ainda confirma o status de Fernanda Porto como uma das artistas mais talentosas do cenário atual brasileiro de música pop.